google.com, pub-7228869011542059, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page

Hamas: origem, atuação e motivos para ser considerado terrorista


Combatentes palestinos da ala militar do Hamas
Combatentes palestinos da ala militar do Hamas


O Hamas é uma organização nacionalista e islamista que se coloca como grupo de resistência palestino contra Israel. No entanto, essa organização possui um braço armado que realiza ataques violentos contra civis israelenses, usando foguetes, homens-bomba e outros meios. Além disso, o Hamas não reconhece a existência de Israel e defende a sua destruição, negando o direito à autodeterminação do povo judeu. Por essas razões, o Hamas é considerado um grupo terrorista por Israel e por várias outras nações, como Estados Unidos, União Europeia e Reino Unido.


Origem do Hamas


O Hamas surgiu em 1987, como uma ramificação da Irmandade Muçulmana, um movimento que busca a islamização das sociedades muçulmanas. O nome Hamas é um acrônimo para Movimento de Resistência Islâmica, e o seu objetivo era combater a ocupação israelense da Cisjordânia e da Faixa de Gaza, territórios que foram capturados por Israel na guerra de 1967. O Hamas se opunha aos acordos de paz entre Israel e a Organização para a Libertação da Palestina (OLP), liderada por Yasser Arafat, e defendia a luta armada como única forma de libertação.


Atuação do Hamas


O Hamas possui diferentes formas de atuação na Faixa de Gaza, onde governa desde 2007, após expulsar as forças leais à OLP. Além do braço armado, conhecido como Brigadas Izz ad-Din al-Qassam, o Hamas também realiza trabalhos sociais, como distribuição de alimentos, assistência médica e educação religiosa. Essas atividades lhe garantem apoio popular entre os palestinos mais pobres e conservadores. O Hamas também participa do processo político, tendo vencido as eleições legislativas de 2006. No entanto, o seu governo é acusado de violar os direitos humanos, reprimir a oposição e impor a lei islâmica.


Conflito com Israel


O Hamas é um dos principais protagonistas do conflito entre Israel e Palestina, que se arrasta há décadas. O grupo rejeita qualquer solução negociada que implique no reconhecimento de Israel, e defende a criação de um Estado palestino em toda a Palestina histórica, incluindo o atual território israelense. Para isso, o Hamas recorre à violência contra alvos militares e civis israelenses, usando foguetes lançados de Gaza, atentados suicidas em ônibus e restaurantes, sequestros e esfaqueamentos. Essas ações provocam a reação de Israel, que responde com ataques aéreos, bloqueios econômicos e incursões terrestres em Gaza. O resultado é um ciclo de violência que já causou milhares de mortes e sofrimento para ambos os lados.


Fontes


- [Hamas: o que é, origem, atuação, questão palestina](https://brasilescola.uol.com.br/historiag/hamas.htm)

- [Hamas: entenda o que é o grupo extremista islâmico armado que ataca Israel](https://g1.globo.com/mundo/noticia/2023/10/07/hamas-entenda-o-que-e-o-grupo-islamico-que-enfrenta-israel.ghtml)

- [Conflito Israel-Hamas: 6 perguntas para entender o que está acontecendo](https://www.bbc.com/portuguese/articles/cle68426792o)


Peço que se discordarem ou quiserem acrecentar algo, por favor, escreva nos comentários, com os devidos argumentos.


3 visualizações0 comentário
bottom of page